Big Data: Como começar

1 February 2018

Big Data nos oferece a possibilidade de obter e processar maiores quantidades de dados de origens que antes eram impossíveis e nos permite buscar novas ideias, soluções e melhorias nos processos de negócio e até mesmo mudar a forma como toda a companhia funciona.

Mas como trazer para a sua empresa, independente do tamanha dela, esta nova e intimidante tecnologia?

A maneira mais fácil de convencer a companhia de que esta tecnologia irá trazer ganhos é provar a efetividade com resultados.

Por isso, o objetivo da nossa abordagem é óbvio: Gerar resultado! Mesmo que o resultado neste momento seja pequeno perto do todo, um resultado concreto irá provar a efetividade da tecnologia e garantirá a sequência de soluções inovadoras.

Então, como um passo a passo, nossa metodologia para o startup de Big Data leva em torno de um a dois meses e contém as seguintes fases:

##Identifique!

Localizar um processo de negócio de alto impacto na organização que possa ser melhorado, envolva um alto número de recursos, como pessoas ou dinheiro e gere dados. Um processo de design thinking pode ajudar neste passo.

##Priorize!

Ao definir os objetivos da solução, surgirão vários.Mas lembre-se que neste momento ainda não será possível resolver todos os problemas do processo, portanto selecione o que oferecerá mais ganho dentro do tempo disponível.

##Dados!

Os dados são os protagonistas da solução e quanto mais, melhor. Portanto, além dos dados inerentes ao processo, imagine quais dados poderiam ajudar a entender as oportunidades.

##Implemente!

Fazer a solução sair da ideia e implementar o mínimo necessário para ter os dados. Neste passo é gerado o “menor produto viável” (MVP: Minimum Viable Product), que nada mais é que uma versão básica da solução, ainda sem todos os requisitos desejados, mas já atendendo os primeiros objetivos de maneira funcional.

##Insights e Ação!

É hora de aferir os resultados e comunicar às áreas envolvidas. Nas sessões de discussão dos resultados é fundamental discutir de definir ações. Sem ação, todo este esforço e busca de ideias e soluções se perderá, por isso é tão importante defini-las. Ao implementar as ações, a sua solução irá monitorar a efetividade e correção de rotas.

Claro, ainda haverá uma longa estrada pela frente a percorrer, mas ao chegar neste ponto você terá mais domínio da tecnologia, das dificuldades, nas necessidades de negócio. Mas, principalmente, saberá como extrair valor e gerar resultado.

Nós, da SM22, podemos participar da implementação desta metodologia. Nossa equipe de consultores e cientistas de dados levam à sua empresa nossas experiências e melhores práticas desde o processo de ideação até a implementação e comunicação, apoiando as decisões técnicas e de negócio. Além disso, nossa experiência em diversas verticais de mercado irão trazer experiências a adicionais e gerarão novos insights.

Quer saber mais sobre nossa metodologia? Entre em contato.

comments powered by Disqus